Softwares ineficazes contra os riscos das redes sociais

Uma tese de doutoramento da Escola de Psicologia da Universidade do Minho (UMinho) concluiu que os softwares para prevenir condutas de risco dos jovens nas redes sociais são pouco eficazes.

Screen-Shot-2012-05-07-at-9.35.42-AM

Para a investigadora Fátima Abreu Ferreira, uma das melhores estratégias para prevenir a exposição aos riscos no mundo online , nomeadamente nas redes sociais passa pela interacção directa entre pais e filhos.

O estudo, desenvolvido entre 2009 e 2012, centrou-se na avaliação da vitimização online, comparando este fenómeno entre Portugal, Espanha e Reino Unido numa amostra de 2565 estudantes entre os dez aos 18 anos de idade.

Os resultados apontam o ciberbullying como sendo o risco mais frequente nos três países, seguido do ciberstalking (assédio persistente) e das solicitações sexuais.

Os dados indicam também que as estratégias de mediação activa e restritiva, que combinam a imposição de regras sobre o uso da Internet r dasredes sociais e a discussão da utilização que é feita da mesma, como as mais eficazes na prevenção da exposição aos riscos online.

Para Fátima Abreu Ferreira, a conversa no mundo real continua a ser o melhor meio para lidar com o que se passa nas redes virtuais. Ainda assim, usar apenas um tipo de estratégia pode não ser o ideal.

Os pais “devem estar disponíveis” para cruzar vários cenários, ou seja, devem estabelecer regras acerca da utilização da Internet, que passem não por uma imposição mas sim por uma discussão com os filhos acerca da importância de certos cuidados e comportamentos a adoptar.

“Desta forma, é igualmente criado um ambiente de segurança para que, em situações em que não é possível controlar a exposição aos riscos, os jovens se sintam confortáveis em revelar o acontecimento e se sintam apoiados para geri-lo da melhor forma”, vinca.

Acrescentou que aqueles filtros “podem ser facilmente desactivados pelo adolescente ao ver tutoriais no YouTube, por exemplo”.

“A Internet é um ambiente anárquico, fluído e em constante mutação, ao qual os jovens têm uma grande facilidade em se adaptar, pelo que os cuidadores não devem depositar toda a sua confiança apenas na implementação de filtros que impeçam o acesso a determinados conteúdos”, referiu Fátima Abreu Ferreira.

Fátima Abreu Ferreira nasceu na Guarda há 29 anos e é psicóloga, investigadora e professora.

Tem as licenciaturas em Aconselhamento Psicossocial e em Psicologia e a pós-graduação em Aconselhamento, todas pelo Instituto Superior da Maia (ISMAI), no qual também foi docente cinco anos.

Trabalha em projectos de investigação das universidades do Minho, Coimbra e do ISMAI, centrando a pesquisa nos temas da violência (online, doméstica, escolar, praxes académicas, relações amorosas) e na sexualidade feminina. Tem algumas dezenas de publicações científicas e participa em congressos em vários países.

Fátima Abreu Ferreira está a concluir o doutoramento na UMinho, com a tese “Vitimização Online: Os riscos de viver na era digital”.

 

Tem consciência dos riscos das redes sociais ?

 

Segundo a investigadora não existe um software eficaz que nos proteja dos riscos das redes sociais …

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos

RECEBER GRÁTIS:

DEIXAR COMENTÁRIO:

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.
Categorias:

Seja
Bem Vindo

CLIQUE E DESCOMPLIQUE!

Nós tratamos da tecnologia por si...

Entrar na minha conta:

Seja
Bem Vindo

CLIQUE E DESCOMPLIQUE!

Nós tratamos da tecnologia por si...

Registar a minha conta:

cookies

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.

Estamos a recrutar

Acreditas que podes fazer a diferença na equipa de profissionais do Informatico.pt?
Então escolhe o cargo que pretendes ocupar envia-nos o teu curriculum vitae atualizado em formato PDF.
Acompanhado do teu portefólio e/ou carta de motivação para o email geral@informatico.pt.
Lembra-te de especificar, no assunto do email, o cargo para o qual te candidatas.
Ou então preenche apenas o formulário a seguir…
recrutar

Formulário DE CANDIDATURA

Formulário Agendamento

assistencia ao domicilio

Formulário Contato

formulario de contato