Porque partilhamos coisas no Facebook?

porque partilhamos facebookO recurso de partilha do Facebook é um sucesso. Tanto que um relatório recente da rede social mostrou que o feed de notícias dos utilizadores possui cada vez mais conteúdos partilhados de terceiros — como páginas, links e memes — do que coisas escritas ou fotos pessoais postadas pelos seus amigos.

Apesar de este tipo de comportamento não ser muito interessante para os negócios do Facebook, ele pode ser extremamente interessante para o seu negócio. Isso porque esse comportamento expõe as pessoas a novos conteúdos e marcas, permitindo a expansão do alcance de sua mensagem.

No entanto, para tirar melhor proveito disso, é preciso entender como as pessoas pensam e o que elas gostam de partilhar — e a tarefa não é tão difícil quanto parece. Um estudo nos mostra que, apesar do tipo de conteúdo que os utilizadores escolhem partilhar no Facebook variar bastante, as razões que levam à partilha não são tão diferentes assim.

A agência de marketing de conteúdo Fractl entrevistou 2.000 pessoas para saber mais detalhes sobre os motivos que as levam a partilhar conteúdo de terceiros — ou seja, clicar no botão de partilha do Facebook na página de outra pessoa ou postar um link de um site em seu mural. Todos que participaram da investigação eram utilizadores da rede social, e 91% partilhava conteúdo regularmente.

Dentre os dados mais interessantes obtidos pela investigação, destaque para o fato de que 48% dos entrevistados disseram partilhar conteúdo para entreter seus amigos, enquanto 17% partilha coisas para expressar-se sobre questões que os preocupam. Apenas 11% das pessoas disse preferir partilhar algo que seja útil.

As mulheres também se mostraram mais propensas à partilha de conteúdo para provocar uma resposta emocional — alegria, tristeza, raiva — em seus amigos (13%), enquanto os homens se sentem mais motivados a partilhar conteúdo para convencer seus amigos sobre o seu ponto de vista. Um ponto em comum entre homens e mulheres é que ambos gostam de partilhar conteúdo para informar seus amigos sobre questões que consideram importantes (52% e 57%, respectivamente).

Já a percentagem de pessoas que partilham conteúdo mais do que uma vez por dia é muito baixa (18%). No entanto, aqueles que partilham quatro vezes por dia ou mais (5%) são 43% menos propensos a evitar controvérsias. Vale a pena ainda destacar que as mulheres (26%) e os baby boomers (19%) são os que tendem a partilhar conteúdo mais do que uma vez por dia.

Fonte: Fractl

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[0 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.