O Google Instant já está disponível

A partir de hoje o Google Instant passa a estar disponível para todos os utilizadores em Portugal, tornando as pesquisas dos portugueses mais rápidas, interactivas e eficientes.

O Google Instant é preditivo. Usa as palavras já digitadas para prever os termos de pesquisa mais prováveis e mostra os resultados para essas previsões, em tempo real. Os resultados da são apresentados, mesmo antes de o termo de pesquisa ser totalmente digitado. Nem sequer é necessário premir “pesquisar”, o que acaba por resultar numa considerável poupança de tempo.

Por outro lado, os utilizadores passam a conseguir ver os resultados à medida que digitam, pelo que podem adaptar a pesquisa imediatamente até os resultados corresponderem exactamente ao que pretendem. Assim, conseguem resultados mais próximos do que procuram, mais facilmente.

Demore menos tempo a pesquisar do que a escrever o que procura

É uma ideia muito simples—as pessoas começam a escrever e os resultados aparecem imediatamente. Sempre que se pensava no futuro das pesquisas, a ideia de não se ter que digitar todo o termo de pesquisa ou de se ter uma reacção instantânea à medida que se digita surgiu várias vezes. Pelo caminho, foram construídas algumas demos (Amit Patel em 1999 e Nikhil Bhatla em 2003). As demos de resultados obtidos enquanto se escreve eram consideradas ousadas – divertidas, rápidas e interactivas – mas com um erro fundamental. Porquê? Porque as pessoas não querem obter resultados ao mesmo tempo que escrevem (ninguém quer de facto pesquisar [bicicleta c] enquanto está à procura de [bicicleta capacetes]. Aquilo que as pessoas realmente querem é obter resultados de pesquisa antes de digitarem – ou seja, resultados do termo de pesquisa provável, tendo em conta o que já foi digitado.

Como poderá imaginar, fazer uma pesquisa antes mesmo da mesma ser digitada não é fácil – e por isso mesmo a Google está tão entusiasmada por hoje anunciar o Google Instant. O Google Instant é preditivo, pega naquilo que já digitou, prevê os termos de pesquisa mais prováveis e mostra os resultados para essas previsões em tempo real — assim permitindo uma pesquisa mais rápida e inteligente que é também interactiva, preditiva e eficiente.

Algumas das funcionalidades chave do Google Instant:

Resultados dinâmicos – o Google mostra de forma dinâmica os resultados de pesquisa mais relevantes à medida que vai digitando, para que possa rapidamente interagir e clicar no conteúdo web de que necessita.
Previsões – Uma das tecnologias chave no Google Instant é que pode prever o resto do seu termo de pesquisa (em cinzento claro) antes de o acabar de digitar. Se encontrar o que precisa, pode parar de escrever e simplesmente olhar para baixo e clicar no que procura.
Scroll para pesquisar – Faça scroll pelas previsões para ver os resultados instantâneos à medida que o cursor anda para baixo.

Para dar vida ao Google Instant, precisámos de uma série de novas tecnologias, incluindo novos sistemas de cache, a capacidade de controlar e adaptar a taxa a que mostramos as páginas de resultados e uma optimização da renderização de página JavaScript para ajudar os browsers a acompanharem o resto do sistema. Em síntese, precisámos de produzir um sistema que fosse capaz de avaliar diversos factores, enquanto pesquisasse tão rapidamente como as pessoas pensam ou escrevem – simultaneamente mantendo a relevância e simplicidade que as pessoas esperam do Google.

Os benefícios para os utilizadores do Google Instant são muitos — mas o principal é o tempo que se poupa. Os nossos testes mostram que o Goggle Instant poupa, em média, ao utilizador dois a cinco segundos por pesquisa. Numa primeira vista, pode não parecer muito, mas o soma total já é interessante. Estimamos que o Google Instant poupe aos utilizadores 11 horas em cada segundo que passa!

Como parte da fase de expansão, o Google Instant é a experiência de pesquisa central no Google.com para Chrome, Firefox, Safari e IE 8. Neste momento, o Google Instant já está disponível para todos os utilizadores na França, Alemanha, Itália, Rússia, Espanha, Reino Unido e, a partir de agora, também em Portugal. A Google está a trabalhar no sentido de levar o Google Instant a todos os países e plataformas.

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[0 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.