Não confie em pessoas sem Facebook

Empregadores e psicólogos dizem que as pessoas que não têm uma conta na rede social são suspeitas e podem ter problemas psicológicos.

face
O Facebook já é algo que faz parte da vida de qualquer pessoa.

Como há quase um bilião de contas no Facebook, boa parte da população mundial que se liga à Internet costuma conduzir grande parte das suas relações sociais por meio do site.

O fato é que, hoje em dia, é considerado estranho uma pessoa não ter perfil no serviço.

E isso já pode ser percebido em vários lugares.

Forbes e o Daily Mail, por exemplo, trazem estudos que mostram como algumas companhias passaram a mostrar-se muito receosas na hora de contratar candidatos que não têm contas na rede social.

Segundo os empregadores, se uma pessoa não quer fazer parte do Facebook, é porque tem algum problema, seja uma grave dificuldade de relacionamento com as outras pessoas ou até mesmo porque a sua vida é tão complicada que não pode ser exposta num site do género.

 

Namoros sem confiança?

Se não conseguir emprego por não ter conta no Facebook já é algo que pode o pode deixar, que tal descobrir que a sua nova namorada, que também não usa a rede social, não é de confiança?

De acordo com o site Slate, quando uma pessoa não tem uma página no site, pode significar um grande risco de fracaço do relacionamento.

Segundo o estudo, se ela não se expõe, provavelmente é porque há algo de errado: ela (ou ele) pode ter-lhe mentido sobre algum fato ou então pode estar a esconder detalhes que você não pode saber.

Isto aplica-se apenas às pessoas mais jovens e cujas gerações praticamente cresceram a utilizar as redes sociais.

 

Psicopatas em potencial

A publicação alemã Der Taggspiegel vai ainda mais longe.

Numa reportagem, a revista procura encontrar uma relação entre o comportamento de alguns psicopatas e a falta de uma “forte” presença online de alguns assassinos.

O site cita o americano James Holmes e o norueguês Anders Behring Breivik como exemplos.

James Holmes não usava o Facebook. Sinal de um psicopata?

Os dois têm duas coisas em comum: mataram uma grande quantidade de pessoas inocentes em ataques praticamente inexplicáveis e ambos não tinham perfis no Facebook.

 

Com isso, o Der Taggspiegel dá a entender que não ter uma conta na rede social é o primeiro indicio de que alguém pode ser um psicopata em potencial.

Assim, no artigo, o psicólogo Christopher Moeller diz que ter uma conta na página pode ser considerado uma espécie de “atestado de sanidade”, porque isso, teoricamente, prova que a pessoa tem relações normais com outros indivíduos.

 

Posso confiar em si?

 

Tem conta no Facebook?

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos

RECEBER GRÁTIS:

DEIXAR COMENTÁRIO:

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.
cookies

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.

Estamos a recrutar

Acreditas que podes fazer a diferença na equipa de profissionais do Informatico.pt?
Então escolhe o cargo que pretendes ocupar envia-nos o teu curriculum vitae atualizado em formato PDF.
Acompanhado do teu portefólio e/ou carta de motivação para o email [email protected].
Lembra-te de especificar, no assunto do email, o cargo para o qual te candidatas.
Ou então preenche apenas o formulário a seguir…
recrutar

Formulário DE CANDIDATURA

Formulário Agendamento

assistencia ao domicilio

Formulário Contato

formulario de contato