Mark Zuckerberg tapa a webcam com fita cola

Mark Zuckerberg é gente como a gente. Pelo menos, é o que parece demonstrar ao utilizar um dos métodos mais antigos e básicos contra invasões que possam tomar conta da webcam, a boa e velha fita cola sobre o sensor.

tapar webcam
A curiosidade aparece numa imagem do fundador do Facebook comemorando a marca de 500 milhões de utilizadores no Instagram, que também faz parte de sua empresa.

Um segundo pedaço de adesivo aparece cobrindo a entrada para microfone de seu MacBook, no que seria mais uma atitude para evitar a ação de hackers. Como alguém reconhecido no mundo da tecnologia e diretor de uma das maiores redes sociais do mundo, claro, Zuckerberg é altamente visado por criminosos e golpistas digitais. A foto, entretanto, mostra que ele toma as mesmas atitudes que qualquer reles mortal com relação à segurança.

Os mesmos erros, entretanto, também acontecem aqui. Recentemente, ele teve contas no Twtitter e no Pinterest hackeadas depois de, supostamente, utilizar uma senha incrivelmente frágil, “dadada”. A chave foi descoberta após o vazamento de informações do LinkedIn pelo método mais utilizado pelos hackers, o uso das mesmas senhas de um serviço em diversos outros, uma falha de segurança comum cometida pelos utilizadores.

zuckerbergA imagem publicada por Zuckerberg também mostra um pouco mais de seu cotidiano de trabalho na nova sede do Facebook. Ao contrário de muitos CEOs, que possuem salas separadas e pouco ou nenhum contato com outros funcionários, o criador da maior rede social do mundo opera a partir de uma mesa simples, com seu notebook, um telefone, livros e objetos pessoais, bem ao lado de uma das áreas de convivência dos novos escritórios e em meio a todos os outros colaboradores da empresa.

Você também, possivelmente, vai ficar feliz em saber que Mark Zuckerberg utiliza os mesmos programas que qualquer um de nós. Ao contrário do que mostram os filmes e seus sistemas internos proprietários e altamente inviáveis no mundo real, o fundador do Facebook usa o Google Chrome para navegar na internet e também o enche de abas abertas, como, provavelmente, eu e neste exato momento.

Fonte: Gizmodo

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[0 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.