Inteligência Artificial mais perigosa que bombas atómicas

Inteligência Artificial mais perigosa que bombas atómicas 1

 

O empresário manifestou a urgência de se criar um organismo que regule a criação da Inteligência Artificial porque, no futuro, vai superar as capacidades dos seres humanos.

O fundador das organizações SpaceX e Tesla, Elon Musk , advertiu para o sério perigo que a Inteligência Artificial (IA) pode trazer porque, na a sua opinião, “é muito mais perigosa do que as ogivas nucleares”.

“Estou muito próximo da IA e devo dizer que me assusta muito. É capaz de muito mais do que quase ninguém sabe e a a sua taxa de melhoria é exponencial”, sublinhou.

Numa entrevista sobre tecnologia em Austin, Texas, o empresário sul-africano manifestou a urgência de criar um organismo que regule o o seu desenvolvimento. De acordo com Musk, a também chamada “inteligência computacional” , vai superar as capacidades do ser humano e há que tratar do assunto de forma segura.

Embora admita que não costume ser um “defensor da regulação e da supervisão”, Musk considera que a Humanidade corre grave perigo e, portanto, qualifica de “extrema importância” criar um organismo público com conhecimentos suficientes para conseguir supervisionar a criação da IA de forma segura.

Para exemplificar esta opinião, o multimilionário usou o exemplo do sistema de IA conhecido como “AlphaGo Zero” , criado pela empresa DeepMind – adquirida pelo Google em 2014 -, que aprendeu a jogar o famoso jogo de estratégia chinês Go sem a intervenção humana. Apenas através dum jogo aleatório contra si mesmo. Além disso, a a sua versão melhorada, “AlphaZero”, conseguiu derrotar inclusivamente o AlphaGo.

Porém, Musk destacou que não o preocupa a IA em aplicações específicas como, por exemplo, nos carros autónomos ou outras ferramentas, porque não gera perigos severos. Por outro lado, enfatiza o perigo da “super inteligência digital” em máquinas com múltiplas funções, cuja potência de cálculo é “um milhão de vezes maior” .

“A a sua taxa de melhoria é realmente dramática. Temos de encontrar a forma de garantir que a chegada da super inteligência digital seja simbiótica com a humanidade. Creio que essa é a maior crise existencial que enfrentamos e a mais urgente”, assegurou.

Fonte: ZAP

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos

RECEBER GRÁTIS:

Como gostaria de receber mais informação do Informatico.pt?

Pode cancelar quando quiser clicando no link que aparece no rodapé dos e-mails.

DEIXAR COMENTÁRIO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Formulário Agendamento

assistencia ao domicilio

Formulário Contato

formulario de contato