Google perde um caso de “direito a ser esquecido”

Google perde um caso de "direito a ser esquecido" 1

A Google perdeu um caso nos tribunais britânicos referente ao “direito a ser esquecido”, com um cidadão que queria eliminar referências a informações de quando tinha sido preso.

Se para muitos jovens (e não jovens) poderá revelar-se complicado descobrir que na altura de pesquisar em emprego o o seu futuro empregador poderá descobrir fotografias embaraçosas que eles próprios tenham partilhado publicamente na internet; mais complicado é quando se está envolvido em qualquer tipo de incidentes que tenham sido apanhados pelo motor de investigação da Google.

Porém, neste caso em concreto, é muito possível que tenha sido um dos casos em que o direito a ser esquecido faz sentido, tratando-se um dum indivíduo que tinha mostrado arrependimento pelos seus actos (tendo estado preso 6 meses) e que pretendia remover os resultados que apontavam para uma notícia onde o o seu caso tinha sido “exagerado”; e que acabou por obter a compreensão do juiz. Menos sorte teve outro pedido idêntico, mas desta vez referindo-se a um individuo que tinha tido um caso mais grave, que não apresentava quaisquer indícios de remorsos, e cuja tentativa de ser “esquecido” parecia ser simplesmente uma estratégia para que pudesse continuar a enganar mais pessoas… Felizmente neste caso o pedido foi recusado pelo juiz.

Ainda assim, há o medo de que ao deferir o pedido do primeiro caso, isto vá incentivar muitas mais pessoas a recorrerem aos tribunais para fazerem desaparecer actos passados que considerem incómodos… Afinal, a Google já pediu acima de 2.4 milhões destes pedidos, tendo acedido a 800 mil. E isto sem esquecer que, mesmo que se consigam eliminar estes resultados no Google, as páginas em questão continuam acessíveis na internet e podem ser encontradas utilizando outros motores de busca…

Fonte: Abertoatedemadrugada

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos

RECEBER GRÁTIS:

Como gostaria de receber mais informação do Informatico.pt?

Pode cancelar quando quiser clicando no link que aparece no rodapé dos e-mails.

DEIXAR COMENTÁRIO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.
Whatsapp Viber Telegram Ligar Agora Skype Enviar SMS
Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin

Formulário Agendamento

assistencia ao domicilio

Formulário Contato

formulario de contato