Facebook usado para instalar vírus que controla o Computador

Facebook foi usado para que mais de 800 mil pessoas fossem infectadas pelo vírus Facebook . O vírus disfarça-se numa mensagem que se parece com um vídeo enviado por um amigo. Se clicar nele, será encaminhado para um site que diz que precisa de descarregar um plug-in para poder ver o vídeo.Facebookvirus

Não se sabe quem é o criador da ameaça nem quantos equipamentos podem já estar infetadas. A forma como o vírus se espalha é mais uma prova da criatividade e capacidade de adaptação dos cibercriminosos.

Há mais uma ameaça online que está à solta. Um novo esquema fraudulento está a usar endereços de email mascarados para enviar mensagens em nome do Facebook. A mensagem quer-se fazer passar por uma notificação da rede social onde diz que o utilizador recebeu uma mensagem de voz em resposta a uma fotografia que está publicada na plataforma.

As mensagens de voz ainda não são uma realidade no serviço, o que funciona como uma primeira prova de que a mensagem é suspeita. Mas caso o utilizador carregue na imagem, vai-se abrir um separador no navegador de Internet que faz o download automático de um ficheiro zip.

Dentro do pacote existe um outro ficheiro cuja extensão é .cpl. O nome desse ficheiro é Audio, o que pode levar os utilizadores a pensarem que essa é que é a mensagem de voz, quando na realidade se trata de um trojan – um tipo de vírus que ganha acessos privilegiados no computador e sistema operativo.

O responsável português da empresa de segurança Eset, Nuno Mendes, confirmou ao TeK a deteção desta ameaça nos detetores de riscos. Apesar de não estar entre as ameaças mundiais mais recorrentes, o cavalo de troia em causa encontra-se ativo. Nuno Mendes considera que este trojan específico não é uma novidade do ponto de vista tecnológico, mas que o alerta da sua atividade é sempre bem vindo.

Um especialista de segurança do Serviço de Resposta a Incidentes de Segurança Informática (CERT), Luís Morais, explicou ao TeK que este tipo de ameaças faz uso de uma técnica de engenharia social para enganar os utilizadores.

Os piratas informáticos aproveitam-se das constantes atualizações e novas funcionalidades que o Facebook aplica na plataforma para tentar atrair os internautas mais distraídos. Neste caso, uma alegada resposta a uma fotografia através de uma mensagem de voz.

O CERT recebe várias queixas e avisos sobre esquemas que usam o nome ou as próprias redes sociais para se espalharem entre os internautas, mas esta foi a primeira vez que ouviram falar no uso da mensagem de voz como “engodo”. O cavalo de troia difundido na mensagem enquadra-se no conceito de clickjacking já que estimula o utilizador a carregar num link comprometido.

Tanto a Eset como o CERT aconselham sempre os utilizadores a terem cuidado com as mensagens que considerem suspeitas, sobretudo se tiverem links duvidosos. A pronta denúncia de possíveis esquemas fraudulentos é outra atitude que é aconselhada aos utilizadores. Ter um software de segurança e manter os sistemas operativos atualizados também é uma das recomendações mais relevantes.

 

Recebeu alguma mensagem do Facebook com uma mensagem com um video de um amigo?

Deixe uma mensagem…

 

Tentaremos ajuda-lo a limpar o vírus do Facebook …

Acessar Facebook Criar Facebook Frases Para Facebook Atalho Para Facebook Clique Para Entrar O Facebook

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[5 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.