Estudo revela falta de segurança nas redes Wi-Fi

A maioria das pessoas protege as suas redes com passwords e acham que os seus dados estão seguros mas estudo mostra que utilizadores são mais ingénuos do que parece.

wifi segurança

Um novo estudo realizado para a Wi-Fi Alliance mostra que enquanto os utilizadores das ligações sem fios estão a conquistar avanços na área de segurança, continuam a deixar as suas redes wireless demasiado abertas para intrusos.
estudo, conduzido em parceria com a Wakefield Research, revelou que 86% dos utilizadores de Wi-Fi tomaram cuidados básicos em relação à segurança e à privacidade ao configurarem os seus pontos de acesso e routers. No entanto, enquanto 97% das pessoas inquiridas afirmaram que os dados das suas redes estão seguros, esses mesmos utilizadores somaram uma média de 66% quando questionados a respeito de uma série de recomendações de privacidade e de segurança que deveriam ser tomadas. Cerca de 59% falharam ao utilizar senhas que possuíam critérios de segurança básicos, 62% desligaram a opção de partilha automática e apenas 18% utilizam VPNs quando se ligam a um “hotspot”.
A Wi-Fi Alliance recomenda activar a configuração WPA2 de criptografia, criar passwords fortes para a rede (com pelo menos oito caracteres, misturando letras e símbolos), alterá-la regularmente e desligar dispositivos de partilha automático para evitar ligações com redes suspeitas.
O estudo decorreu em Agosto com 1.000 entrevistas realizadas nos EUA.
Perigos na rede e nas estradas
Os resultados do estudo de certa maneira lembram os dados obtidos noutro estudo recente, focado em pessoas que enviam SMS enquanto dirigem, conduzido pela AAA Foundation for Traffic Safety.
Entre os inquiridos, quase 95% afirmaram considerar os outros motoristas que enviam SMS ou e-mail enquanto conduzem como um perigo para a sua própria segurança. No entanto, 35% desses mesmos entrevistados confessaram já ter enviado ou lido mensagens enquanto estavam no volante no último mês. De acordo com o estudo, 88% dos condutores consideram utilizar o telemóvel enquanto conduzem como um risco à segurança, mesmo que dois terços deles admita ter falado no telefone ao volante nos últimos 30 dias.
Este estudo foi feito pela Internet durante o mês de Junho e envolveu 3.100 participantes residentes nos EUA.
(Network World/IDG Now!)

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[0 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

1 thought on “Estudo revela falta de segurança nas redes Wi-Fi”

  1. El caso es que tengo dos laptops y una tiene toda la musica y la otra no, entonces hice una conexion de red wireless pero ya estando conectadas como abro la musica en la compu que no la tiene? Ya active la opcion de compartir media

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.