Como fazer backups no Windows 7

Na semana passada senti necessidade de configurar um sistema eficaz de backup. Tentarei explicar como, usando a própria ferramenta de backup do Windows 7, se conseguem fazer cópias de segurança eficazes.

Por definição, o Windows 7 oferece 2 tipos de backup: O backup do sistema e o backup dos ficheiros. A diferença entre um e outro é que o primeiro tipo de backup cria uma imagem do Disco Rigido, ou seja, cria uma cópia fiel do Windows tal como está neste momento. Isso inclui os ficheiros do utilizador, programas, personalizações e até mesmo vírus, caso na altura do backup o computador esteja infectado. Já o backup de ficheiros refere-se apenas aos ficheiros dos utilizadores, como imagens, músicas, e-mail, documentos e outras coisas mais.

Conhecidos os dois tipos de backup possíveis, vamos à ferramenta do Windows que faz esse trabalho. Para a encontrar, deve ir no menu Iniciar, Painel de Controle, Sistemas e Segurança. Clique em CriarBackup do Computador.

Continue a ler para saber como configurar o estante processo de backup…

O primeiro passo é configurar o backup. Para isto, deve clicar no link Configurar backup que aparecerá na janela inicial do Gestor de Backups do Windows. Ao clicar no link, a seguinte janela será aberta:

configurar_midia_backup

Deverá então indicar em qual suporte informático o ficheiro criado pelo backup do Windows deverá ser guardado. Note que pode guardar o backup numa unidade ou numa pasta partilhada na rede. No meu caso escolhi um disco rígido externo de 120GB. Escolhido o suporte de destino, clique em Avançar e siga para a próxima janela.

escolha_do_tipo_de_backup

Na janela acima poderá definir se deseja que o Windows escolha os ficheiros a serem guardados, ou se prefere indicar manualmente quais os ficheiros que deverão ser inseridos no backup.

Escolhendo a opção recomendada, o Windows irá fazer o backup de todos os ficheiros pessoais de todos os utilizadores do Windows e se o destino tiver espaço suficiente, uma imagem do sistema será criada também. Caso escolha a opção manual, poderá definir quais as pastas de quais utilizadores deverão ser inseridas no backup e poderá escolher também se quer ou não a criação de uma imagem do sistema operativo. Sugiro que escolha a opção manual.

Se seguiu o meu conselho e escolheu a opção manual de backup, será direcionado para esta tela a abaixo. Não há muito o que se falar dela. Basicamente definirá quais as pastas e partições que deverão ser “backupeadas”. Marcando a opção Incluir uma imagem do sistema das unidades… estará criando uma imagem do seu sistema operativo, o que salvará tudo do seu computador, inclusive programas e configurações pessoais. Escolhida a sua opção, clique em Avançar.

escolha_dos_itens_de_backup

Na próxima janela serão mostrados os parâmetros que configurou nos passos anteriores. Mostrará também uma opção para se poder agendar o backup. Se tudo estiver ok, passe adiante e o backup será iniciado. No fim do backup a seguinte janela será mostrada:

backup_concluido

Pronto, acabou de concluir o backup. Mesmo que não tenha agendado o backup, a configuração que fez ficará guardada no computador e na necessidade de um futuro backup, basta ir ao Painel de Controlo e clicar em Fazer backup agora.

Qual o tamanho dos ficheiros criados pelo backup do Windows?

No meu computador há uma partição com 67,7GB de espaço ocupado. Com o backup da imagem do Windows, ou seja, uma cópia fiel do meu computador, o ficheiro final criado ficou com um tamanho de pouco mais de 58GB. Já o backup dos meus ficheiros pessoais que têm quase 6GB, ficou em 4,4GB.

Será que este backup do Windows presta?

Sim. Para utilizadores domésticos o backup oferecido pelo Windows 7 é mais do que suficiente pois responde ás necessidades de um utilizador comum que é a de agendar os backups, criar clones do sistema e salvar os seus documentos em dispositivos externos.

Se teve dúvidas em alguma etapa do processo ou tem alguma sugestão para nos dar, faça um comentário.

Se tnuma sugestão para um artigo, registe-se no nosso blog e envie-nos um e-mail.

António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

Inscreva-se e Receba Grátis:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos
Avaliar Artigo:
[0 Estrelas]

DEIXAR COMENTÁRIO:

1 thought on “Como fazer backups no Windows 7”

  1. hola q tal,desde ya hace unos días cada vez q inicio mi pc me sale el siguiente cartel con el titulo de MUIStartmenu.exe – reasignación no valida de DLL del sistema
    la DLL de sistema user32.dll se ha reasignado en la memoria.la aplicaciónn no funcionara correctamente.la reasignacion ocurrio porque la DLL C:/Windowses/system32/shell…etc etc etc.
    bueno si alguien sabe como solucionar este problemita,se lo agradecere

Leave a Comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.

Categorias:

PROBLEMAS INFORMÁTICOS?
Escolha aqui um serviço!

Este site utiliza cookies para melhorar a sua experiência. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização. Pode consultar mais informação no Centro de Privacidade.