21 dicas simples para poupar bateria do telemóvel

As funções dos telemóveis têm aumentado cada vez mais, e por sua vez a sua utilização também. Seja para procurar informação, ver mapas, jogar ou aceder à sua rede social, o telemóvel em um dos objetos mais usados diariamente. Para que seja possível exercer todas estas atividades, é necessária uma bateria duradoura. Deixamos conselhos úteis que podem melhorar e muito, o desempenho da sua bateria.

21 dicas simples para poupar bateria do telemóvel 1

Como carregar corretamente a bateria do smartphone?

O carregamento da bateria tem sido um tema de vários mitos. Desta forma vamos mencionar aspetos importantes para situações reais de poupança de bateria.

Até ao aparecimento das baterias de lítio, era recomendado que a bateria chegasse a zero, para que pudesse ser carregada de novo. A situação mudou, e neste caso é aconselhado que o nível de bateria não seja abaixo dos 15%-20%. Antes de se atingir tais níveis, coloque a bateria à carga.

Um dos mitos mais presentes neste tema, é de não se pode deixar que a bateria alcance os 100% de carregamento. Atualmente os sistemas móveis “travam” o processo de carregamento após atingirem o nível máximo de bateria carregada, evitando sobreaquecimentos. Desta forma, não há problema em deixar o telemóvel durante a noite.

Um dos problemas que afetam mais a marca Samsung do que a Apple, é o dos carregadores universais. Recomenda-se sempre o uso do carregador oficial para cada dispositivo. Todos aqueles que não venham com o aparelho, e que sejam adquiridos através da internet, poderão danificar o equipamento, consumir mais eletricidade e prejudicar o processo de carga. As próprias capas protetoras poderão provocar o sobreaquecimento do telemóvel.

O maior ou menos tempo de carregamento, vai depender, de certa forma, do estado do serviço de eletricidade. É importante saber que o serviço está em bom estado, situação que também o ajudará a poupar na conta da luz ao final do mês.

Como prolongar a vida útil da bateria do telemóvel

Cada vez mais os telemóveis estão a tornar-se em ferramentas essenciais para as nossas vidas digitais. No entanto, as suas baterias simplesmente não conseguem acompanhar esse ritmo. Descubra neste artigo como conseguir espremer a autonomia da bateria do telemóvel para que consiga durar mais tempo.

De facto, hoje em dia, os smartphones são rápidos o suficiente para atender às necessidades até dos utilizadores mais exigentes. Porém, muitas vezes a duração da bateria não consegue dar resposta a essas exigências. Apesar dos fabricantes dos componentes e os fornecedores de software otimizarem os seus produtos para prolongar a vida útil da bateria. O que é certo é que, de repente, começamos a utilizar os nossos telemóveis mais do que nunca.

21 dicas simples para poupar bateria do telemóvel 3

Neste momento temos um equipamento que nos permite fazer quase tudo, jogar, ver vídeos, navegar nas redes sociais, conversar com os amigos, receber e-mails, gerir compromissos, consultar mapas, etc. Isto tudo em ecrãs cada vez maiores e de maior resolução tendo em conta que a bateria supostamente tem de pelos menos durar o dia todo para não termos de andar com os carregadores atrás de nós.

Sim, é verdade, o carregamento está a melhorar, é mais rápido e conveniente, mas as baterias dos telemóveis continuam a durar o mesmo. Mas nem tudo são más notícias… Podemos fazer alguns ajustes aqui e ali para ajudar a espremer a bateria de forma a conseguirmos manter a bateria viva o mais tempo possível. Pode encontrar a seguir algumas das nossas principais dicas para prolongar a vida útil da bateria do seu smartphone, sem tornar o telemóvel inutilizável.

Mas, se já fez tudo o que publicamos a seguir e a bateria do seu telemóvel ainda não dura o tempo que considera suficiente, então opte por um PowerBank.

carregar telemóvel pouca bateria

 

1. Descubra o que está usando a bateria do seu telemóvel

Antes de corrigir qualquer problema de vida útil da bateria, precisa de saber o que está realmente a provocar o consumo prematuro da bateria.

Um bom sítio por onde pode começar é ir ao menu Configurações > Bateria do Android. Vai aparecer um pequeno relatório de integridade sobre as suas aplicações e se estão ou não a ser executadas normalmente. Conseguirá assim descobrir se alguma coisa estiver a consumir uma grande quantidade de energia em segundo plano.

Toque nos três pontos no canto superior direito do ecrã e escolha Utilização da bateria para ver exatamente o que está usar a sua bateria. Irá ver uma análise completa dos serviços e um gráfico que mostra como a bateria se esgotou e quanto tempo resta com base no seu padrão de utilização atual.

Uso da bateria

No menu Bateria, também tem acesso a alguns recursos extra que às vezes são muito úteis. Por exemplo, vai encontrar uma opção de Economia de bateria. Essa opção provavelmente está definida como 15%, mas pode alterar para começar mais cedo.

No entanto, esse sistema Economizador de bateria vai desativar alguns recursos do seu equipamento e restringir a utilização de alguns serviços. Isso deixa-nos preocupados com os recursos que eventualmente podem deixar de funcionar. Vamos perceber a seguir o que podemos fazer para melhorar a autonomia sem prejudicar o desempenho.

 

2. Ligue a opção de bateria adaptativa

Bateria adaptativa

Vá a Configurações> Bateria> Bateria adaptativa e deslize o botão para ativar a Bateria adaptativa. Esse recurso introduzido no Android Pie evita que as aplicações que não utiliza com frequência consumam em segundo plano uma quantidade excessiva de energia.

Imediatamente abaixo dessa opção, há uma lista de aplicações restritas, que estará vazia por padrão. Aliás, não pode simplesmente adicionar qualquer aplicação à sua escolha a essa lista. Ou seja, o sistema Adaptive Battery monitora as aplicações em execução em segundo plano e, se houver alguma utilização excessiva de energia, receberá uma notificação. Resumindo, irá receber uma alerta a avisar sobre o comportamento das aplicações mais “gulosas”. Depois disso já pode adicionar essa aplicação a essa lista.

Por isso, tem todos os motivo para ativar este recurso tão útil para conseguir poupar a bateria do seu telemóvel. Aliás, de certeza que o fabricante quando construiu o equipamento fez testes rigorosos. Isso para garantir que tanto o hardware como o sistema operativo economizam o máximo de energia possível. Porém, depois que o cliente o leva para casa, o fabricante deixa de ter controlo sobre o que ele faz com o equipamento. De facto, grande parte da carga exercida sobre a bateria é provocada por aplicações e atualizações de terceiros que descarrega da internet. O sistema da “Bateria Adaptativa” permite-lhe perceber qual desses extras estão a prejudicar o seu telemóvel.

 

3. Interrompa as aplicações em execução em segundo plano

Multitarefa

Mas é daqueles que ainda não tem o Android Pie e não tem acesso ao Adaptive Battery? Não há problema, pode descobrir quais são as aplicações que estão a ser executadas em segundo plano e eliminar as que estão a consumir mais bateria. No Android Pie, basta deslizar para cima na parte inferior do ecrã para encontrar essa opção. Nas versões mais antigas do Android, aparece-lhe um botão específico ao lado do botão “home”.

Mas tenha atenção que o encerramento de uma aplicação só é realmente útil se não a voltar a abrir novamente. Isto porque, ela irá utilizar muitos mais recursos para reabrir novamente e assim lá se foi o que tentou economizar.

 

4. Impedir que aplicações sejam executadas no arranque

Infelizmente, a capacidade de poder escolher quais as aplicações que são executadas quando liga o telemóvel pela primeira vez, ainda não é um recurso nativo do Android. No entanto, essa funcionalidade pode ser encontrada em muitas versões personalizadas do sistema operativo, como o MIUI. No Mi 9, por exemplo, vá a Configurações e escolha Permissões em Configurações da aplicação. Toque em Inicialização automática e verifique quais as aplicações da lista que realmente deseja executar em segundo plano.

Utilize o seu bom senso, porque as aplicações como o Ring Doorbell deixarão de enviar notificações. O que vai acontecer é que as pessoas vão ficar à espera à sua porta porque você deixou de permitir que a aplicação fosse executada em segundo plano.

 

5. Deixe o ecrã sempre ligado

Relance

Desde algum tempo que temos visto vários fabricantes de telemóveis, a incluir nos seus equipamento ecrãs sempre ativos. Especialmente nas versões mais recentes do Android é um recurso padrão conhecido como visualização Glance. Basicamente, esse recurso mostra os ícones da hora, data e as notificação no ecrã do telemóvel quando está desligado, utilizando uma quantidade mínima de energia da bateria. Além disso também reduz a necessidade de ativar constantemente o ecrã para ver se possui uma nova notificação ou então para ver as horas.

Pode encontrar esta funcionalidade em Configurações> Ecrã> Avançado> visualização rápida> Duração da exibição rápida. Recomendamos definir esse recurso como Sempre Ligado.

 

6. Reduza o brilho do ecrã e desative o brilho adaptável

Brilho do ecrã

Os telemóveis mais baratos podem ter ecrãs relativamente opacos, mas os melhores telemóveis atingem níveis de brilho que podem realmente prejudicar os seus olhos. Isso é útil quando está a utilizar o telemóvel sob luz solar direta. Mas na maioria das vezes é um exagero e consome bastante a bateria do telemóvel.

De facto, pode reduzir o brilho do ecrã em Configurações> Ecrã> Nível de brilho e, em seguida, deslizar o botão de controlo para um nível mais confortável. Também pode encontrar um controlo deslizante de brilho na barra de notificação suspensa do seu telemóvel.

Enquanto estiver nesse menu, desative também o brilho adaptável. Pode pensar que esse recurso ajudará a vida útil da bateria aumentando o brilho do ecrã apenas quando é necessário. Mas isso não é verdade porque o sistema é enganado pela iluminação interna e, além disso, tira-lhe todo o controlo das mãos.

 

7. Reduza o tempo limite de suspensão

Dormir

Sempre que ativa o seu ecrã, ele permanece ativo por um período predeterminado, mesmo depois de terminar o que queria fazer. Por isso, pode ajustar esse período de tempo e, quanto menor o tempo limite do ecrã, menos energia da bateria será desperdiçada.

Encontra esta opção em Configurações> Ecrã> Avançado> Suspensão. O tempo mais curto que pode definir são 15 segundos.

 

8. Reduza a resolução do ecrã

Nem todos os telemóveis permitem ajustar a resolução do ecrã, mas os topos de gama da Samsung são notáveis ​​pelo fato de serem equipados com ecrãs Quad-HD+ e Full-HD+. Isso é importante sobretudo quando se quer reduzir o consumo de bateria. Ou seja, será necessário menos energia para mostrar todos os milhares de pixels. Aliás pode até descer para o HD+, se quiser.

Assim, para verificar as configurações da resolução do ecrã num telemóvel Samsung, vai a Configurações> Ecrã> Resolução do ecrã.

 

9. Ative o modo escuro

Infelizmente, o “Modo Escuro” ainda não está incorporado no Android, embora já esteja a chegar a alguma versões como o Android Q. Enquanto isso, pode por exemplo escolher com mais cuidado o seu papel de parede. Deve ter um design escuro que exija menos energia para iluminar esses pixels e ativar o modo Escuro em todas as aplicações que o suportam. Tanto o YouTube como o Slack são dois bons exemplos do “Modo Escuro”. Aliás, esta funcionalidade está a tornar-se cada vez mais comum, reduzindo a tensão nos olhos e o consumo de bateria ao inverter as cores do ecrã.

Muitos telemóveis que executam versões personalizadas do Android já são compatíveis com esse recurso, incluindo os telemóveis da Samsung e o Mi 9. E agora mais recentemente também os equipamentos da Xiaomi. Verifique as suas configurações para ter a certeza que essa opção não está disponível.

 

10. Desativar widgets

Widgets

Os widgets podem ser úteis para obter dados constantemente atualizados das suas aplicações favoritos no ecrã principal, mas essa verificação constante é outra fonte de consumo de bateria. Mantenha apenas aqueles que considera indispensáveis. Tudo aquilo que realmente não precisa clique e segure o dedo arrastando-os para o ícone Remover na parte superior do ecrã.

 

11. Reduza o volume

Volume

Esta dica penso que é realmente do senso comum. Quanto mais alto o telemóvel toca ou reproduz áudio, mais rápido a bateria fica fraca. Por isso, pode diminuir o volume com a tecla de volume físico ou acedendo a Configurações> Som e ajustando os vários controlos deslizantes para Volume de som, Volume da chamada, Volume da campainha e Volume do alarme.

 

12. Desligue a vibração

Vibração e feedback tátil

O feedback de vibração é ótimo para nos alertar sobre as notificações e chamadas recebidas. Mas será que realmente precisa dessa funcionalidade quando tem o volume de chamadas mais alto? Como compreende é preciso energia para agitar o seu telemóvel, por isso acabe com esse consumo de energia desligando a vibração quando não é necessária.

Para conseguir fazer isso basta ir a Configurações> Som. Assim, pode por exemplo desativar a vibração apenas quando recebe chamadas ou então o ideal é desativar também quando toca no ecrã.

 

13. Desligue o Wi-Fi, Bluetooth e NFC quando desnecessários

Desligar rádios

Os vários sistema de comunicações sem fios do seu smartphone esgotam rapidamente a sua bateria. Não é um problema grave se os estiver a utilizar, mas se não os utiliza, deve desativá-los. Vai provavelmente encontrar um acesso rápido na barra de notificação suspensa a essas funcionalidade. Ou então poderá aceder a essas configurações em Configurações> Rede e Internet ou Dispositivos ligados> Preferências de ligação.

 

14. Ative o modo avião em zonas de má recepção

Modo avião

Quando estiver numa zona com fraca intensidade de sinal, poderá ver que a bateria do seu telemóvel vai esvaziar-se rapidamente diante dos seus olhos. Isto porque o telemóvel procura constantemente por sinal. Se não puder utilizar a sua rede móvel de qualquer maneira e souber que não o pode fazer por algum tempo, coloque o telemóvel em modo avião. Pode encontrar esta opção na barra de notificação suspensa ou em Configurações> Rede e Internet> Modo Avião.

 

15. Reduza o número de notificações que recebe

Notificações

Em algum momento, quase todas as aplicações instaladas no seu telemóvel vão querer notificá-lo sobre uma coisa ou outra. Mas o que é certo é que algumas notificações são mais úteis do que outras, especialmente quando considera que vai atender sempre o telemóvel. Mas se não são importantes vai ignorar a notificação de cada vez que a receber.

Por isso, controle quais são as aplicações que têm permissão para enviar notificações. Consegue fazer isso indo a Configurações> Aplicações e Notificações> Notificações. Depois procure em “Enviadas Recentemente” e desative as aplicações das quais não deseja receber notificações. Como alternativa, pode ir a Configurações> Aplicações e Notificações> Ver todas as Aplicações. Percorra a lista e toque em qualquer aplicação para a selecionar, escolha Notificações e desative a opção Mostrar notificações.

 

16. Impedir o Google Assistant de ser executado em segundo plano

Correspondência de voz

O Assistente do Google e a pesquisa por voz são a grande novidade nos últimos anos, mas nem sempre o seu telemóvel precisa de estar a ouvir as suas instruções. Por isso vá a Configurações > Google > Pesquisa, Assistente e voz> Voz> Pesquisas por voz e desative a funcionalidade. Isso irá impedir que o telemóvel responda quando diz “Ok Google”. Aliás pode utilizar a aplicação mesmo quando o ecrã está desligado ou está noutra aplicação. Ou seja, pode aceder rapidamente ao assistente de voz pressionando o botão de Início.

 

17. Desative os serviços de localização

Permissões de localização

A monitorização da sua localização utilizada por várias aplicações é outra fonte de consumo de bateria. Essas aplicações utilizam uma combinação de GPS, Wi-Fi e dados móveis para saber onde está e assim apresentar informações localizadas. Para desativar isso vá a Configurações> Segurança e local> Local> Permissões no nível da aplicação. Percorra a lista e desative os serviços de localização para aplicações que não precisam de ter acesso.

 

18. Verifique se há atualizações das aplicações

Atualizações de aplicativos

As atualizações das aplicações oferecem patches e correções de erros que podem ajudá-las a ser melhor executadas. Aliás, algumas dessas atualizações também podem ajudar a eficiência. Por isso, deve configurar o seu telemóvel para atualizar as aplicações automaticamente por Wi-Fi. Basta para isso abrir o Google Play, tocar nas três linhas no canto superior esquerdo, escolher Configurações. Depois deve garantir que a atualização automática de aplicações estão definidas como ‘Apenas por Wi-Fi’. Depois verifique a opção de menu Minhas Aplicações e Jogos para verificar se há alguma atualização a aguardar para ser instalada e clique em Atualizar tudo para atualizar.

 

19. Verifique se há atualizações do sistema

Atualizações do sistema

Não são apenas as aplicações de terceiros que podem consumir energia. Infelizmente o próprio sistema operativo do telemóvel também é uma fonte de consumo de bateria. O Google está sempre a trabalhar para melhorar a eficiência do Android e envia regularmente atualizações. Isso é útil apenas se as instalar. Por isso, vá a Configurações > Sistema > Avançado > Atualização do sistema, para verificar se há alguma atualização a aguardar a sua autorização.

 

20. Ative os modos de economia de energia

Dependendo do seu telemóvel, o fabricante pode ter adicionado recursos adicionais de economia de energia. São funcionalidades que vão mais além do que está disponível no Android por defeito.

A ativação do modo de economia de bateria gere os vários recursos de economia de energia do seu telemóvel. Pode, por exemplo, impedir que as aplicações sejam atualizados em segundo plano, escurecer seu ecrã, reduzir a configuração de tempo limite do ecrã, desativar as animações no ecrã e desativar a vibração. Por padrão, esse modo geralmente é ativado quando o nível da bateria cai para 20%, mas pode configurá-lo para se ativar aos 30%. E quanto mais cedo o telemóvel alternar para esse modo de economia de energia, mais a sua bateria durará.

Alguns telemóveis possuem modos extra de economia de energia. Isso desativa tudo, exceto as funcionalidades necessárias para fazer chamadas e enviar mensagens de texto. Este modo pode até trocar o ecrã para preto e branco e assim acrescentar até 24 horas de utilização extra se a bateria estiver entre os 15% e 20%.

 

21. Reiniciar o telemóvel

Às vezes, o telemóvel está a tocar e a bateria está a esgotar-se mais rápido do que o esperado, mas, por mais que tente, não consegue entender o porquê. É nestes momentos que é necessário reiniciar. Normalmente isso ajuda a curar momentâneamente o consumo inexplicável das baterias.

Uma abordagem mais brutal é repor as configurações de fábrica (Configurações> Sistema> Avançado> Opções de fábrica> Apagar todos os dados). Mas tenha consciência que irá perder permanentemente tudo o que tiver no telemóvel e que não tenha feito backup. Além disso a reposição das configurações de fábrica só resolverá o problema se for um problema de software.

21 dicas simples para poupar bateria do telemóvel
21 dicas simples para poupar bateria do telemóvel 5

As funções dos telemóveis têm aumentado cada vez mais, e por sua vez a sua utilização também. Seja para procurar informação, ver mapas, jogar ou aceder à s

Editor's Rating:
5
António Almeida

António Almeida

Licenciado em engenharia Informático e Telecomunicações, mestre em Sistemas e Tecnologias de Informação e doutorando em Informática é um apaixonado por todo o tipo de tecnologia. Apostava na troca de informações e acaba de criar uma rede de informáticos especialistas interessados em tecnologia.

PRÓXIMOS ARTIGOS:

  • Últimas Notícias sobre Tecnologia
  • Promoções de produtos e serviços
  • Ofertas e Sorteios de equipamentos

RECEBER GRÁTIS:

DEIXAR COMENTÁRIO:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

AVISO:

Todo e qualquer texto publicado na internet através deste sistema não reflete, necessariamente, a opinião deste site ou do(s) seu(s) autor(es). Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva e integral responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. A administração deste site reserva-se, desde já, no direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de carácter promocional ou inseridos no sistema sem a devida identificação do seu autor (nome completo e endereço válido de email) também poderão ser excluídos.
Whatsapp Viber Telegram Ligar Agora Skype Enviar SMS

Bem Vindo!

Ao clicar em ENTRAR, declara que leu e que aceita a nossa Política de Privacidade.

ajudar-informatico-pt

Mantenha-se Informado!

Inscreva-se para receber conteúdo exclusivo, brindes, ofertas e promoções…

Share on facebook
Share on pinterest
Share on twitter
Share on email
Share on linkedin

Formulário Agendamento

assistencia ao domicilio

Formulário Contato

formulario de contato

Registar

Ao clicar em REGISTAR, declara que leu e que aceita a nossa Política de Privacidade.